terça-feira, 23 de agosto de 2011

CALVÁRIO





 CALVÁRIO     
Autor: Arnoldo Pimentel                                                      

Talvez eu descubra o que existe
Dentro do quadro abstrato
Tarde demais
Fico pensando se valerá a pena

Descer os degraus do templo
E ficar de joelhos
Com os olhos vendados
Até ser beijado na boca
E sentir o gosto do sangue na garganta

Como um soco no estômago
Em pleno calvário
Olímpico

Alguns irmãos desceram os degraus do coliseu andino
E poderiam escolher entre o perdão do paraíso
Ou inferno prescrito
Na sua oração
Ou extrema unção
Mas não voltaram para me dizer

11 comentários:

  1. Olá querido!
    Preciso disso! Ler outro poeta para poder me encontrar! Estou intoxicada de sentimentalidade.
    Passa lá no blog para conferir o post que fala sangrando... De amor por um mortal"
    bj

    ResponderExcluir
  2. Arnoldo querido. Sempre bom te ter lá no Molhe-se e me alegrou retornar aqui e ler mais um post consistente, que foge da normalidade.

    Beejo,beejo.

    ResponderExcluir
  3. Oi Arnoldo.
    Sensacional e carregado de um misticismo que toca a alma.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Seus poemas sempre nos tocando... cada um de uma forma diferente.

    Obrigada pela visita e carinho... desejo a vc um otimo dia, repleto de poesia.

    bjo

    ResponderExcluir
  5. Olá, amigo Arnoldo. Passando por aqui. Gostei muito da qui. È bem interessante acho até inrreverente esse seu cantinho. Lindo poema! Gostei também dos vídeos. Obrigada pelo carinho da sua visita! Bom domingo para vc! Grande abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá caro amigo,

    que belo poema!

    ... sempre valerá a pena!

    e entre o perdão do paraíso ou inferno prescrito, fiquemos com a poesia que nos leva onde quer nossa alma possa sonhar.

    Um grande abraço

    Leila Rodrigues

    ResponderExcluir
  7. Nossa amizde é um mundo de encantos,por isso temos que ter capacidade de amar infitinamente.
    Creia a amizade é um fio que liga nosso coração em qualquer parte do mundo.
    Só podemos ter certeza que não estamos passando pela vida inultimente se não perdermos a capacidade de amar.
    Sou muito feliz por ter sua amizade, é isso que me da a certeza de um amor lindo e incondicional.
    Uma abençoada tarde de Domingo!
    Bjs no coração.
    Evanir

    ResponderExcluir
  8. Oiiii boa noite queriro *-*
    Ando meio ausente:(,mas sempre que volto tenho prazer de continuar lendo belas poesias como essa!!!
    Tenha um boa noite
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. OLÁ
    PARABÉNS PELO BELO POSTE.Nos momentos de tristeza trancamos a

    alegria que existe dentro de nós, sem

    saber que essa força é a alegria que

    escondemos para dar passagem a

    tristeza...por isso coragem para

    abrir a porta da alegria e deixar

    que ela se transforme em

    felicidade. BOA SEMANA

    ResponderExcluir
  10. Olá, passei por aqui, parei, gostei!
    Encantador teu blog!
    Parabéns.

    Aproveito para convidar-te a dar uma olhadinha no meu, opinar, sugerir, e, seguir.

    Abraço

    PS: stou te seguindo :)

    ResponderExcluir